Notícias
03 de Novembro de 2017

O Festival Janela Internacional de Cinema exibirá filmes portugueses e contará com a presença do prestigiado realizador Miguel Ribeiro

De 3 a 12 de novembro | Recife - Pernambuco

Foto da Noticia
287 pessoas leram esta notícia.

Marcado pelo tema “Heroínas”, a décima edição do Janela Internacional de Cinema exibirá 120 filmes de 50 países que formam um panorama contemporâneo e de clássicos do cinema mundial. Ampliando as ações de formação, o Janela também oferecerá duas aulas de cinema com importantes cineastas.

O 10º Janela Internacional de Cinema do Recife traz, assim como nos anos anteriores, mostras competitivas de longas-metragens curtas-metragens, programa de clássicos e seleções especiais projetados em 2K e 4K, no formato DCP (Digital Cinema Package) e também em 16mm e 35mm. De 3 a 12 de novembro, filmes, oficinas, palestras e convidados brasileiros e estrangeiros ocuparão ao longo dos dez dias dois cinemas da cidade: o São Luiz, no Centro do Recife, e o Cinema da Fundação no Museu do Homem do Nordeste, em Casa Forte. Também serão projetados programas da competição de curtas no Portomídia. Demais atividades, como o Janela Crítica e a oficina “Compondo Trilhas Sonoras”, também ocorrerão no Portomídia, no Bairro do Recife – um dos parceiros antigos do festival.

Parceria com Portugal

Este ano, com apoio do Camões – Centro Cultural Português em Brasília, o festival vai receber Miguel Ribeiro, curador do DocLisboa, como jurado da mostra competitiva de curtas-metragens internacionais, além de exibir cinco filmes portugueses: o longa-metragem A Fábrica de Nada (exibido na Quinzena dos Realizadores, do Festival de Cannes), de Pedro Pinho e dos curtas Coelho mau, de Carlos Conceição, Nyo Vweta Nafta, de Ico Costa, Tudo o que imagina, de Leonor Noivo, e Os humores artificiais, de Gabriel Abrantes.

 Mais informações e a programação completa estão em http://www.janeladecinema.com.br/2017/